Universo das Esquadrias

Esquadrias de Alto Padrão – O que será que isso quer dizer? – Parte 1

Para responder a essa pergunta, é preciso saber antes, o que é algo considerado de Alto Padrão?

Depois, saber, em relação às Esquadrias, se existem parâmetros para definir o seu Padrão (baixo, médio ou alto), ou se o termo é usado, somente como um apelo de venda.

Quando vamos comprar uma geladeira, um celular ou até mesmo um carro, apesar de não sermos especialistas, esses produtos, tem parâmetros de comparação, para que possamos ter alguma confiança em fazer uma escolha adequada.

E para escolher as Esquadrias, que critério utilizar?

Provavelmente procurar no Google empresas do setor, solicitar orçamentos, depois, perguntar para os amigos que já construíram, em seguida, nos informar com os profissionais do setor da construção, como o Arquiteto da obra, o Construtor, o Empreiteiro, etc.

Nesta altura, teríamos alguns indicadores, mas ainda não, parâmetros técnicos objetivos.

Podemos comparar os orçamentos, mas comparar o que, preços e condições? Não saberemos ainda, qual seria a melhor escolha. Não teremos como saber, se o que irão nos fornecer, atende, no mínimo, aos critérios técnicos, especificados pelas normas, para comprovação de seu desempenho efetivo, (através de laudos, ensaios e homologações, produzidos por institutos credenciados).

Podemos fazer uma escolha aparentemente correta, mas que só vai se comprovar mesmo, quando estivermos morando na casa.

Falamos tudo isso, para tentar estabelecer algum critério, para ajudar as pessoas a fazerem uma escolha mais adequada do produto e da empresa que vai produzir e instalar suas Esquadrias.

Criamos então um Padrão de Referência e demos a ele o nome de ‘’Esquadrias APE’’ ( Alto Padrão Efetivo ).

Definimos técnicamente, quais os parâmetros, que uma Esquadria deve atender, para poder ser considerada como de Alto Padrão. Uma forma mais segura de fazer uma escolha mais objetiva e assertiva.

Nosso objetivo aqui, não é ficar falando tecnicamente sobre as esquadrias, mas fazer com que as pessoas que vão ou estão construindo, percebam como sua definição, e a escolha da empresa que irá produzir e instalar esses itens, são fundamentais para que a residência, atenda aos novos padrões de segurança, funcionalidade, conforto e no bem estar de seus moradores, e quanto, a não observância de critérios técnicos para isso, pode trazer de frustrações e aborrecimentos futuros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *